Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: conheça a importância para as empresas e como se adequar

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Leitura de 10 min

Quem acompanha o mercado, sabe que novas demandas surgem constantemente. Uma dessas novas demandas e que, aparentemente, veio para ficar é a do desenvolvimento sustentável. A sociedade está cobrando. E uma maneira da sua empresa se adequar é aderir aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, também conhecidos como ODS.

O desenvolvimento sustentável significa, de modo geral, que o desenvolvimento econômico deve estar em consonância com o social e o ambiental. E os consumidores estão cobrando este posicionamento das empresas. Isto evidencia-se, por exemplo, na busca por saber as políticas de logística reversa.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável surge, então, com 17 objetivos e 169 metas, como um manual para as empresas se adequarem a esta nova demanda, até 2030. Se você quer saber qual a importância e como fazer essa integração de seus interesses com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, continue a leitura!

IMPORTÂNCIA DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PARA O SETOR EMPRESARIAL

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável foram estabelecidos pela Organização das Nações Unidas, em 2015. No entanto, eles não são aplicáveis apenas pelos Estados-Membros.  Deve haver uma parceria global entre governos, academia, sociedade civil e empresas.

As empresas desempenham papel essencial, haja vista que estão presentes em diversas localidades, são propulsoras de inovação e detém poder econômico. E, por ser algo visto pelo mundo inteiro, aquelas que se dispuserem a aplicar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável  terão vantagens nacionais e internacionais, como veremos a seguir.

ATRAIR CONSUMIDORES E STAKEHOLDERS

Uma das vantagens para a sua empresa será de atrair consumidores. Uma das novas demandas do mercado é o comprometimento da empresa com as questões sociais e ambientais. O consumidor está atento. Principalmente as gerações mais novas, que possuem maior facilidade com a internet. E esta preocupação não é apenas com as grandes corporações.

Por exemplo, os consumidores estão investigando a cadeia produtiva antes de comprar o produto, exigindo selos que demonstram o comprometimento da empresa com as causas ambientais, cobrando a presença de mulheres como lideranças, além de boicotarem os negócios envolvidos com má práticas, como o desmatamento e o trabalho análogo à escravidão.

E esta preocupação não se restringe aos consumidores. Os stakeholders estão atentos à imagem e à valorização da empresa. Assim, se o seu negócio se comprometer em auxiliar no alcance dos objetivos e metas previstos, atrairá estes consumidores e stakeholders. E a tendência é que eles sejam cada vez mais presentes, de modo que quem não se adequar, será passado para trás. E sabemos que você não quer isso aconteça. Use do poder do marketing!

AMPLIAR A REDE DE CONTATOS E PARCEIROS

Atrair estes consumidores conscientes não é a única vantagem. Ao aderir aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, você pode ampliar sua rede de contatos e parceiros. 

A tendência do mercado não engloba apenas os consumidores. Quando as outras empresas começarem a aderir, elas irão se aproximar de outras que estejam com os mesmos propósitos. Se você aderir, provavelmente não irá querer se associar com alguém que não está comprometido e, consequentemente, correr o risco de ser boicotado.

Por outro lado, ao se adequar a esta nova demanda, você irá  ampliar sua rede de contatos, uma vez que precisará fazer articulações com os demais setores para alcançar as metas. Além de que, assim, atrairá parceiros também comprometidos com a causa, inclusive internacionais. E juntos, com certeza colherão frutos positivos.

DISSEMINAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS

E, por fim, mas tão importante quanto: a disseminação de boas práticas. Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e suas metas incluem ações voltadas para garantir a dignidade da pessoa humana e a preservação do meio ambiente, que muitas vezes eram “deixados de lado” em um sistema que hoje não é mais viável.

Com a destruição ambiental todos serão afetados. Incluindo as empresas, que perderão matéria-prima e fonte de renda. Por sua vez, as problemáticas sociais também atrasam o desenvolvimento de um país, afetando o setor empresarial. 

Ao aderir a Agenda 2030, a empresa terá a oportunidade de contribuir para diminuir as misérias que afetam a sociedade, uma vez que os Objetivos visam a prosperidade e o bem-estar coletivo, pensando até mesmo nas gerações futuras e nas outras espécies.  

Ademais, ao começar a tratar dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e mostrar suas práticas, o empresário influenciará funcionários e os consumidores, que também começarão a refletir e, por conseguinte, agirão como sociedade civil. Ou seja, de internalizar essas boas práticas.

CONHEÇA OS 17 OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Antes de saber como implementá-los, você precisa conhecê-los! E aqui está a lista com os 17 Objetivos, sendo que cada um deles abarca metas específicas.

Objetivo 1. Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares.

Objetivo 2. Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável.

Objetivo 3. Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades.

Objetivo 4. Assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.

Objetivo 5. Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas.

Objetivo 6. Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos.

Objetivo 7. Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos.

Objetivo 8. Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos.

Objetivo 9. Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação.

Objetivo 10. Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles.

Objetivo 11. Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.

Objetivo 12. Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis.

Objetivo 13. Tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos.

Objetivo 14. Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.

Objetivo 15. Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade.

Objetivo 16. Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.

Objetivo 17. Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.

COMO SE ADEQUAR AOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Agora que você já conhece os Objetivos é a hora de montar o plano de ação. Para isso, preparamos algumas dicas para te auxiliar nesta jornada!

Ninguém conhece melhor sua atividade empresarial que você. Assim,  veja a lista com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e reflita quais se encaixam melhor com a sua empresa. Uma das características dos ODS é a interligação. Ou seja, quando você atua em consonância com um deles, está auxiliando no alcance dos outros. Então, não se preocupe achando que precisa de fazer uma ação para cada um. Se puder, melhor. Porém, para o início é melhor selecionar quais os mais propícios para a sua empresa e desenvolvê-los.

  • Para isso, leia atentamente os 17 Objetivos e marque quais você acredita que são os mais próximos de sua atividade. 
  • Posteriormente, faça sua própria lista e veja quais as metas que envolvem os Objetivos que você escolheu. Foque neles.

Depois de selecioná-los, saiba quais os pontos frágeis do seu negócio e perceba quais estratégias você precisa traçar para superá-los. Por exemplo, caso você use embalagens, como elas podem ser sustentáveis? Ou, que tal conhecer sua cadeia de fornecedores? Estas estratégias servirão para alcançar os Objetivos de modo pleno e efetivo,  pense em maneiras de  monitorá-las.

  • Isto posto, você pode começar repensando pontos simples, como a maneira com que descarta os resíduos gerados durante o trabalho. Ou considerar a implementação de energia renovável. E que tal garantir a participação efetiva das mulheres nas decisões da empresa? 
  • Porém, não basta implementar estratégias. É preciso acompanhar o desenvolvimento delas. Então, uma ideia é elaborar relatórios mensais com o andamento delas, quais já foram aplicadas e quais empecilhos estão barrando as demais.

Para traçar e executar seu plano de ação é fundamental envolver seus funcionários. Eles podem agregar muito com suas experiências profissionais e pessoais, tornando a experiência mais realista, diversificada e aberta para a sociedade. Dinamize esta missão e aceite as sugestões deles. 

  • Por isto, promova palestras sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e suas metas.
  • Outra opção é realizar atividades em grupo com a temática e incentivar, por meio de premiações,  melhores ideias. 
  • Monte uma comissão com os funcionários que se mostrarem mais interessados. Eles serão responsáveis pela elaboração, implementação e resultados. E podem, inclusive, elaborar o relatório mensal.

Procurar parceiros também é uma ótima tática. Saiba quais metas você obterá resultados promissores se atuar em parceria e busque estes parceiros, os quais podem ser outras empresas, universidades e prefeituras. Com resultados melhores suas chances de se destacar no mercado são ainda maiores, principalmente, se estes forem especialistas.

  • Em vista disto, depois de saber quais ODS serão seu foco, reflita quais as possíveis parcerias. Parceiros intersetoriais representam um ótimo caminho.
  • Um exemplo é a parceria com Universidades, que, por meio da pesquisa, poderão auxiliar na montagem de estratégias promissoras.

Por fim, tenha certeza que está atuando de acordo com a legislação. Não será possível agir em conformidade com a Agenda 2030 se você não estiver em consonância com a legislação. Logo, garanta a proteção dos direitos trabalhistas, ambientais e sanitários, e atue conforme a lei.

  • Portanto, busque seus advogados ou um consultor jurídico, pois com o auxílio deles você saberá se está atuando de acordo com a lei.

DICA EXTRA: Inclua os objetivos e metas no dia a dia da empresa. Essa é uma forma de despertar o pertencimento nas pessoas, aguçar a criatividade e implementar suas estratégias!

  • Desta maneira, comece com alterações pequenas, mas que impactem o dia a dia da empresa. Que tal começar com a adoção de canecas ao invés de copos descartáveis?
  • Porém, não esqueça de explicar o motivo destas alterações, para mostrar como os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estão interligados com as nossas ações, de modo que todos podem ajudar!

Agora você já sabe quais são os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, qual a importância e como se adequar a eles, é hora de ir para a prática. Para isso, conte com o apoio da CHC Advocacia e conheça nosso trabalho com consultoria jurídica. Juntos contribuiremos para uma sociedade mais próspera!

Se você ficou com alguma dúvida sobre o assunto, a CHC Advocacia pode te ajudar nesse e em vários outros temas de seu interesse! Inscreva-se no nosso canal do Youtube, entre agora para nossa comunidade no Telegram, lá você receberá na palma da sua mão nossos materiais, dicas práticas e ainda terá acesso aos conteúdos exclusivos para os inscritos no canal. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima