Entenda a importância da consultoria empresarial

Consultoria empresarial é uma estratégia utilizada pelas empresas para garantir aumento da lucratividade, diminuir as despesas, atuar na gestão de pessoas e satisfazer as necessidades dos clientes.

 

Em geral, ela conta com serviços diversificados que vão desde informações jurídicas simples, tais como isenção de impostos e taxas cobradas indevidamente, até mudanças na estratégia de marketing e serviços da empresa.

 

A função da consultoria empresarial consiste em analisar o cenário interno, identificar as potencialidades, estabelecer metas e acompanhar os resultados propostos. Para tanto, demanda engajamento dos membros da equipe e recursos financeiros para as atividades.

 

Compreender a importância da consultoria empresarial possibilita delimitar os interesses da instituição solicitante, avaliar os recursos para a implantação das ideias propostas e contribuir com sugestões interessantes.

 

Se você já se convenceu da relevância de uma consultoria empresarial, acompanhe o nosso post de hoje e conheça as principais vantagens de quem utiliza esse método gerencial.

 

1. Análise do cenário interno

 

Uma das principais atividades da consultoria empresarial é analisar o cenário interno da instituição. Os consultores farão um diagnóstico considerando as potencialidades do negócio, as fragilidades das atividades e os pontos a serem trabalhados.

 

Para tanto, a equipe de consultoria precisará conhecer todo o fluxo administrativo, burocrático e de pessoal envolvido na rotina da empresa. A partir dessa avaliação, é elaborado um panorama que mostra os principais gargalos: perda de produtividade e aumento das despesas.

 

Nesse quesito, as empresas de consultoria poderão relatar as experiências obtidas ao longo de sua trajetória profissional, as inovações do negócio e as condições para investimento em curto, médio e longo prazos.

 

Todo esse processo deve ser feito com os padrões de competência, imparcialidade, produtividade e clareza dos objetivos, fatores considerados essenciais para a escolha de uma empresa de consultoria empresarial.

 

2. Avaliação das potencialidades de crescimento

 

Para as empresas que não possuem problemas financeiros e desejam investir em novas oportunidades, a consultoria servirá como norteadora para as principais tendências. Ela estudará as melhores oportunidades de empreendimentos e os riscos tangíveis para a execução.

 

Por meio de um estudo do cenário externo, é possível identificar as potencialidades de desenvolvimento e estudar os principais concorrentes. Serviços já implantados, mas que necessitam de um nova abordagem, devem ser considerados.

 

Assim como serviços inovadores, é necessário ter em mente demandas diferenciadas ou direcionamento das atividades para nichos. Exemplo disso são escritórios de advocacia, por exemplo, que podem fugir do tradicional e se especializar em causas específicas, como as do mercado do futebol.

 

Para fazer esse tipo de implementação, o importante é que a empresa avalie as condições do público-alvo, a situação socioeconômica dos futuros clientes, o investimento em tecnologias de comunicação, a fidelização da clientela e os custos.

 

3. Capacitação da equipe de funcionários

 

Uma consultoria empresarial pode capacitar funcionários através de treinamentos diversos, que podem ser relacionados ao atendimento externo, à implantação de um novo sistema informatizado ou à inserção de novas frentes de trabalho.

 

Nesse contexto, podem surgir temas, tais como atendimento personalizado de clientes, melhoria do clima organizacional e capacitação técnica visando o crescimento do negócio. Empresas que atendem um público externo devem sempre inovar nessa comunicação.

 

Outras devem identificar o nível de instrução dos clientes e adequar sua linguagem para tal condição. Escritórios de advocacia, por exemplo, atendem pessoas humildes com dificuldade de entender termos jurídicos da mesma forma que os especialistas no assunto.

 

Uma tendência utilizada também é a de a empresa de consultoria indicar firmas parceiras para ministrar os cursos. É possível optar pela modalidade de ensino a distância ou por aulas práticas, conforme a solicitação do cliente. Esses cursos poderão ser acessados na sede da empresa e capacitar funcionários nas mais diversas áreas.

 

4. Projeção e visibilidade das empresas

 

Uma consultoria pode elaborar todo o processo para que a empresa solicitante tenha visibilidade no mercado de negócios. Nesse sentido, ela programará atividades e projetos para garantir a publicidade desejada.

 

Algumas empresas são muitos eficientes, porém, não investem em estratégias de marketing, e a sua clientela é formada basicamente através do contato informal.

 

No caso de um escritório de advocacia, os clientes conhecem seus advogados pelas causas que trabalham, mas não os associam aos outros serviços advocatícios prestados.

 

Nesse sentido, o papel de uma consultoria empresarial é divulgar, dentro dos limites estabelecidos em lei, o rol de serviços com os quais a equipe tem experiência de atuação. É necessário considerar também todos os trâmites para fidelizar clientes antes e após os serviços prestados.

 

5. Apoio na readequação legislativa

 

Uma consultoria poderá prestar serviços específicos direcionados à readequação conforme a legislação. Nesse contexto, tem-se empresas que realizam desde a modificação da infraestrutura física até as que acompanham o projeto até a finalização.

 

Investimentos para acesso de deficientes físicos e atendimento preferencial para gestantes e manutenção de um exemplar do código de defesa do consumidor em local de fácil visualização são obrigações estabelecidas em lei. Algumas empresas precisam readequar processos e serviços como esses para que suas atividades funcionem adequadamente.

 

Ainda, casos de aumento por demandas judiciais para a obtenção de medicamentos ou procedimentos cirúrgicos obrigam as empresas a modificarem a sua abordagem.

 

Nesse sentido, os consultores darão as informações técnicas para que os advogados da empresa apresentem desempenho satisfatório ao captar novos clientes e mantenham um nível de deferimentos para justificar sua inclusão nos serviços.

 

Também podem ser investidos critérios diferenciados para clientes especiais. Exemplo disso é a personalização de atendimento a deficientes visuais ou auditivos e mobiliário seguro e confortável entre os espaços da empresa.

 

Outras solicitações se referem à obtenção de títulos que comprovem a produtividade dos serviços. Sendo assim, podem ser requeridas ações que prezem pela gestão da qualidade e excelência no atendimento, conforme determinações das normas ISO.

 

Em síntese, uma consultoria empresarial deve trazer resultados interessantes para a empresa solicitante e indiretamente para o público-alvo. As relações entre as entidades devem ser pautadas por impessoalidade, idoneidade e capacidade de negociação. As atividades de consultoria são diversas e podem salvar uma empresa do declínio financeiro ou almejar voos mais ousados em outras.

 

Por isso, a importância da consultoria empresarial se relaciona ao vasto conhecimento técnico e prático para atender às necessidades de uma empresa solicitante. Lembrando que todo o processo, desde a negociação até a execução das atividades, deve ser formalizado em contrato.

 

E você, já utilizou os serviços de uma empresa de consultoria empresarial? Quais foram os aspectos positivos e negativos desse serviço? Deixe um comentário e compartilhe a sua experiência com os demais leitores!

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar